A grande vantagem de um sistema de blogues como o WordPress é a facilidade em alterar a sua configuração, a sua apresentação, ou acrescentar novas funcionalidades em muito pouco tempo e sem necessidade de grandes conhecimentos em programação php/MySQL.

Depois de ter terminado a instalação do WordPress existem algumas tarefas a executar. Criei uma checklist das tarefas, que será revista de tempos a tempos. Se quiserem sugerir alguma alteração ou acrescentar mais alguma, podem faze-lo através dos comentários. Para alterar a configuração de um blog wordpress temos que aceder ao backoffice – painel de administração, o endereço será da forma http://www.onossodominio.com/wp-login.php dependendo do local de instalação.

  1. Criar titulo do blog e endereço de email associado
  2. Mudar linha descritiva
  3. Definir formato da data e hora
  4. Mudar a palavra-passe do admin
  5. Criar outros utilizadores
  6. Opções de escrita
  7. Opções de leitura
  8. Opções de discussão
  9. Opções das hiperligações permanentes
  10. Escolher o tema do blogue
  11. Alterar o tema do blogue
  12. Alterar o blogroll
  13. Criar uma página “Sobre Mim”
  14. Alterar o artigo exemplo
  15. Instalar e configurar alguns extensões
  16. Criar uma página de contacto
  17. Começar a escrever os artigos

  1. Para alterar o titulo do blogue escolhemos Opções->Geral. Opções->Geral
    Podemos escolher um nome de blogue diferente do nome do domínio. Devemos ter um endereço de email para fins administrativos. Carregar no botão “Actualizar Opções” para guardar as alterações efectuadas.
    Opções->Geral
    Opções->Geral
  2. Em Opções->Geral vamos alterar o texto da linha descritiva do blogue. Depois de guardar as alterações efectuadas podemos confirmar o aspecto do blogue abrindo outra janela com o endereço do blogue.
  3. Nas Opções->Geral podemos definir os formatos utilizados para a data e hora. Dependendo do tema utilizado poderá ser necessário alterar ficheiros do tema para que o formato da data saia correcto.
    Opções->Geral
  4. Quando instalamos o WordPress, o sistema atribui uma palavra-passe automática à conta de administração – admin. Para alterar a palavra-passe vamos a Utilizadores->O Seu Perfil.
    Opções->Geral
    Podemos aproveitar para introduzir mais alguma informação sobre o nosso perfil. Depois de feitas as alterações vamos clicar em “Actualizar Perfil”.
    Opções->Geral
  5. Alguns blogger’s preferem escrever artigos sem usar a conta admin, para criar novos utilizadores escolhemos Utilizadores->Autores e Utilizadores. Será necessário atribuir uma função ao novo utilizador. A cada função estão associados algumas permissões. Existem 5 funções, a saber, administrador, editor, autor, colaborador e subscritor. Sendo a mais alta administrador e a mais baixa subscritor, falando em termos de permissões. Pode ler mais sobre as funções e permissões http://codex.wordpress.org/Roles_and_Capabilities
    Opções->Geral
  6. Nas Opções->Escrita podemos definir os serviços de actualização que pretendemos utilizar. Assim que se publica um novo artigo, o sistema wordpress vai notificar vários serviços, por exemplo, o Technorati e o Google, que existe uma actualização do site. Uma lista exaustiva http://codex.wordpress.org/Update_Services que podemos aproveitar para colar.
  7. Em Opções->Leitura vamos definir o número de artigos que aparecem por página. Este número poderá depender de vários factores, a extensão dos artigos, tipo de letra e o tema do blogue. Podemos definir se a apresentação inicial do blogue, são os últimos artigos ou uma página estática. Nesta secção temos a opção de definir a codificação dos caracteres utilizados na escrita do blogue, ou seja, qual a linguagem utilizada nos artigos. Podemos deixar a que está por defeito – UTF-8. Como podemos ter leitores do blogue através de feeds de RSS, em Opçoes->Leitura definimos o números de artigos disponíveis por RSS e se são completos ou um resumo do artigo.
  8. Os blogues dependem da interacção entre os seu leitores e autores através da caixa de comentários em cada artigo. Em Opções->Discussão podemos definir e configurar essa interacção. Sugiro que se permita que qualquer pessoa possa comentar sem necessidade de criar um utilizador ou ter um comentário anteriormente aprovado. Quanto mais fácil for comentar, mais comentários teremos. Mais adiante vou explicar como se utiliza algumas extensões/plugins para limitar o Comment Spam. Algumas definições poderam ser definidas artigo a artigo.
  9. Agora escolhemos Opções->Hiperligações Permanentes. Para ajudar nos rankings de pesquisa, os Experts sugerem que se altere a estrutura das hiperligações permanentes. Por defeito, um artigo será acedido pelo seguinte endereço http://www.onossodominio.com/?p=1. Vamos personalizar para http://www.onossodominio.com/ano/mês/nome_do_artigo. Se publicar poucos artigos por mês, pode excluir o mês na personalização. A nossa personalização ficará: /%year%/%monthnum%/%postname%/
    hiperligacoes permanentes
  10. Uma das facilidades de um blogue é a profusão de temas que se pode aplicar. No wordpress define-se o tema a usar no menu Apresentação. A instalação do wordpress vem com algumas temas. Para mudar de tema bastará clicar na imagem representativa ou no título do tema.
    temas
    Podemos encontrar vários temas gratuitos na internet. Aqui ficam alguns links:
    Smashing Magazine #1
    Smashing Magazine #2
    Smashing Magazine #3
    WordPress Theme Generator
    WordPress Theme Viewer
    O processo para instalar um tema no site será idêntico ao que usa-mos para trasnferir os ficheiro do wordpress com o Filezilla. A pasta dos temas a instalar tem que ser a correcta, e encontra-se em site/wp-content/themes/NomeDoTema.
  11. Depois de escolhido o tema poderá ser necessário alterar alguns detalhes manualmente. Vamos a Apresentação->Editor de temas e temos acesso ao código do tema. O tema é constuido por vários ficheiros. A “folha de estilos”, style.css e outros ficheiros acabado em .css definem o estilo e formato de todos os elementos gráficos, sejam eles textos, margens, ligações, posições de imagens, cores, etc., de um documento. Para alterar a aparência do blogue podemos editor “folha de estilos” de um determinado tema. É preciso ter atenção que os temas poderão conter elementos noutra linguagem que não seja a nossa. Por exemplo, o formato das datas poderá estar diferente do que aquele que é usual em Portugal. Para corrigir esses problemas temos que alterar os outros ficheiros do tema, geralmente terminados em .php ou com nomes a descrever o seu objectivo, por exemplo, “Comentários”, “Barra Lateral”, “Cabeçalho”, etc..
    Alterar tema
  12. Se o tema escolhido conter uma secção de Blogroll, que não é mais que uns atalhos para outros sítios, verificamos que o wordpress já vem com alguns predefinidos. Para altera-los entramos no menu Blogroll e podemos editar o que lá estão e acrescentar outros.
  13. Será pertinente criar uma página “Sobre” com alguma informação do autor do blogue. Em Gerir->Páginas e alterar a página que já existe.
  14. Com a instalação do wordpress já temos um artigo publicado para servir de exemplo. Experimentem edita-lo(Gerir->Artigos), colocar imagens, utilizem os vários elementos, desde o itálico, o bold, as listas para verificarem as alterações feitas ao tema.
    Alterar tema
  15. Depois de ter instalado o wordpress, o configurado, escrito o primeiro artigo, alterado a página “Sobre”, definido o tema, podemos finalmente instalar e configurar algumas extensões. As extensões ou plugins vão acrescentar algumas funcionalidades que faltam à configuração base do wordpress. Podemos ver em Extensões->Extensões que já existem algumas instaladas, nomeadamente o Akismet, mas ainda não activadas. Não há nenhum blogue igual, e cada um terá o seu conjunto de extensões instalados, mas segue uma lista que poderá seguir para instalar:
    SpamKarma – para resolver o problema do Comment Spam que falei anteriormente
    FeedBurner Plugin – para configurar o nosso feed RSS
    All in One SEO Pack – Configurar elementos SEO artigo a artigo
    Brian’s Latest Comments – Acrescentar informação dos últimos comentários na barra lateral
    No No-Follow – Desactivar o No-Follow em alguns comentários
    Google Sitemaps Generator – Criar mapas de site para submeter ao Google para melhorar os rankings
    Contact Form ][ – Criar um formulário de contacto como uma página do wordpress
  16. Extensoes
    Existem muitas extensões disponíveis para o WordPress. Podem pesquisar aqui. Depois de copiadas para a pasta site/wp-content/plugins e activadas ficam prontas a serem utilizadas. Algumas extensões podem ser configuradas em menu próprio dentro das Opções.

  17. Com a extensão “Contact Form ][” instalada e activado podemos facilmente criar um formulário de contacto. Para criar a página vamos a Escrever->Escrever Página. Para título usamos “Contacto” e no conteúdo escrevemos “[ C O N T A C T – F O R M ]” sem aspas e sem espaços. Em Opções->Contact Form ][ configuramos o endereço de email para onde será enviado o contacto e as mensagens de sucesso e erro.
  18. Começar a escrever os artigos.